The Wanderlust_Wanderlist_acores_triangulo_atlantico

Açores, as ilhas do Triângulo Atlântico com Carlos Bernardo

Portugal

“Perdidas” no meio do Oceano Atlântico, muitos juram que a lendária Atlântida está escondida no fundo do mar que rodeia as ilhas do Faial, Pico e São Jorge, nos Açores. O fundamento para a existência desta lenda? A extraordinária beleza destas 3 ilhas! Visitadas individualmente atingem um patamar destinado a algo extraordinário, em conjunto justificam a expressão “de outro Mundo”.

Caminhar entre vulcões e paisagens arrebatadoras, subir ao ponto mais alto de Portugal, perdermo-nos em aldeias históricas, observar baleias, descobrir vinhas Património da Humanidade ou o isolamento numa Fajã (paradisíaca), serão alguns dos temas desta jornada, que promete ser épica.

Oito dias de viagem entre um povo que te receberá como um primo que não vê há algum tempo e uma gastronomia digna de provocar recordações.

Destaques

  • Atravessa o "coração" da ilha do Faial, entre a Caldeira e o Vulcão dos Capelinhos;
  • Observa baleias no mar dos Açores, com partida da lendária Lajes do Pico, antiga terra de baleeiros;
  • Sobe à mágica montanha do Pico, ponto mais alto de Portugal;
  • Descobre a Fajã da Caldeira de Santo Cristo, na ilha de São Jorge, provavelmente um dos lugares mais bonitos do Mundo.

Itinerário

Dia 1 - Chegada à Ilha do Faialver

Bem-vindo à ilha do Faial, nos Açores!

De acordo com a hora de chegada de todos os viajantes, hoje começamos por fazer um pequeno passeio pela bonita cidade da Horta.

Alojamento: hotel

Refeições: -

Dia 2 - Ilha do Faialver

O dia começa bem cedo no ponto mais alto da ilha, a Caldeira do Faial.

Num percurso de 20 Km, o mais longo da viagem, atravessamos o coração da ilha e caminhamos desde a Caldeira até ao Vulcão dos Capelinhos, junto ao mar.

Começamos na imponente Caldeira, passando pelos bosques das levadas, estradas de cor vermelha com vista para o mar e terminamos na paisagem lunar do vulcão dos Capelinhos.

Ao final do dia, regressamos à Horta, ainda a tempo de um gin tónico no mítico Peter´s, com vista para a montanha do Pico.

Alojamento: hotel

Refeições: pequeno-almoço

Dia 3 - Ilha do Picover

Hoje, no primeiro barco do dia, atravessamos o Canal do Faial, com destino à Ilha do Pico.

Ainda no período da manhã, fazemos uma viagem até Lajes do Pico, antiga terra de baleeiros, não fosse este dia dedicado às baleias.

Numa busca pelos gigantes dos oceanos, saímos para o mar a partir do porto das Lajes. Outrora, os baleeiros partiam daqui para a caça à Baleia, algo que se confundia com a cultura deste povo. A caça à baleia foi extinta nos anos 80 e existiu uma reinvenção, a terra dos baleeiros passou a ser a terra das baleias. Hoje, as partidas (para o mar) só têm um objetivo, visitar as baleias (e golfinhos) no seu habitat natural e, simplesmente, admirá-las.

A tarde é livre, para explorar este magnífico pedaço de terra e falar com as suas gentes.

Alojamento: hotel

Refeições: pequeno-almoço e jantar

Dia 4 - Ilha do Picover

Hoje, acordamos bem cedo, ainda antes do sol nascer. Prepara-te para alcançar o ponto mais alto de Portugal!

Saímos de Lajes do Pico em direção à Casa da Montanha, ponto de partida para uma escalada épica até ao topo da Montanha do Pico com os seus 2350 metros de altitude. Se o tempo ajudar, do topo da montanha, conseguiremos avistar 5 ilhas - Faial, Graciosa, São Jorge, Terceira e, obviamente, Pico, num momento que certamente ficará na memória.

Quase tão épica como a subida vai ser a descida, acompanhada pelas vistas para a ilha do Faial de uma beleza ímpar.

No final, com o espírito de conquistadores, seguimos para São Roque do Pico, ainda a tempo de um belo passeio à beira mar, para recuperar (e relembrar) da conquista da manhã.

Alojamento: pousada (dormitório)

Refeições: pequeno-almoço

Dia 5 - Ilha do Pico, Ilha de São Jorgever

Hoje, o nosso dia vai ser dedicado ao vinho e à vinha. Entusiasmados? Caminhamos por entre uma vinha Património da Humanidade, de beleza e características únicas. Vinhas plantadas em chão de lava e protegidas por pequenos muros de pedra solta, “encastradas” entre o gigante mar azul e a não menos imponente Montanha do Pico. Formando assim uma paisagem vinícola completamente atípica, mas surpreendentemente bonita e impactante.

No final do dia, navegamos no último barco do dia em direção à ilha de São Jorge.

Já de noite chegamos a Velas, tal como outrora chegaram piratas e navegadores. Vai ser por aqui, junto ao porto de Velas, que iremos pernoitar.

Alojamento: hotel

Refeições: pequeno-almoço

Dia 6 - Ilha de São Jorgever

Começamos este dia com um pequeno passeio pela cidade das Velas, preparando-nos para um dos pontos altos da viagem.

Ao inicio da tarde, dirigimo-nos até à Serra do Topo, onde iniciamos uma caminhada de beleza quase inigualável, rumo à Fajã da Caldeira de Santo Cristo. Aqui só é possível chegar a pé num percurso de 5km, entre bosques, imensos vales verdejantes com vista para o mar ou cascatas dignas de um filme romântico.

Ao chegarmos vai ser como chegar a outro planeta! Sem eletricidade, dormimos na guesthouse do David, um jovem surfista natural de São Jorge. Como bom anfitrião que é, servir-nos-á um jantar divinal com amêijoas da lagoa da Fajã. Vai ser à luz das estrelas e com o som das ondas do mar, que iremos degustar esta refeição e aproveitar o resto da noite.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço e jantar

Dia 7 - Ilha de São Jorgever

O dia de hoje é livre, aproveita para desfrutar da Fajã da Caldeira. Podes caminhar, mergulhar na lagoa, pescar, surfar, ler um livro ou simplesmente olhar para o mar.

No final do dia, voltamos a um épico jantar pelas mãos do nosso David.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço e jantar

Dia 8 – Regresso a partir da Ilha de São Jorgever

Hoje de manhã despedimo-nos da Fajã da Caldeira e desta viagem, mas não sem antes fazermos mais uma caminhada. A cerca de 1 hora de distância fica a Fajã dos Cubres, é para lá que nos dirigimos acompanhados por mais um magnifico cenário.

Ao chegar à Fajã dos Cubres, chegou o verdadeiro momento da despedida. Serás transportado para o aeroporto ou para o porto.

Obrigado por teres descoberto o Açores comigo e com a The Wanderlust. Boa viagem e até breve!

Alojamento: -

Refeições: pequeno-almoço

O que está incluído?

  • Dias: 8 dias
  • Alojamento: 4 noites em hotel, 1 noite em pousada e 2 noites em guesthouse
  • Transportes: 2 viagens de barco, todos os transferes nas datas do programa
  • 10 Refeições: 7 pequenos-almoços e 3 jantares
  • Atividades: Todas as atividades mencionadas no programa
  • Seguro de viagem nas datas do programa
  • Acompanhamento e orientação durante toda a viagem pelo Carlos Bernardo
  • Grupos: 5 (no mínimo), 11 (no máximo)

Wanderluster

O que não está incluído?

  • Passagem aérea
  • Visto
  • Suplemento single: 140€
  • Alimentação não especificada
  • Atividades extra
  • Visitas não especificadas
  • Despesas de caráter pessoal
  • Gorjetas

Próximas Datas

23 a 30 Setembro 2017 780€ Disponível