The Wanderlust _ Maravilhas Sul Peru

Maravilhas do Sul do Peru com Patrícia Campos

Peru

O Peru é um país complexo e de contrastes, onde o potencial para a aventura e descoberta não tem limites! Desde o caos borbulhante das cidades de Lima e Arequipa, à tranquilidade do Vale Sagrado ou de uma qualquer vila costeira envolta na nostálgica garúa, passando pelo deserto ou pela densa e virgem floresta amazónica, a riqueza geográfica, gastronómica, arqueológica, da fauna e flora é absolutamente deslumbrante!

Toda esta abundância está assente num dos patrimónios históricos e culturais mais ricos do mundo, em que o Império Inca é o mais conhecido de todos, e cujo símbolo maior é o sítio de Machu Picchu, uma das 7 novas maravilhas do mundo. O desenvolvimento de várias civilizações ancestrais fez com que o Peru se tornasse no “umbigo do mundo” até à chegada dos conquistadores espanhóis no séc. XVI e, desde então, se tenha desenvolvido num pais de tantos cruzamentos e ritmos, dos mais modernos aos mais tradicionais.

Esta é uma terra exótica, de gente humilde e verdadeira, mas também de lendas e superstições, como as que dão origem às enigmáticas linhas de Nazca e às ruinas milenares espalhadas um pouco por todo o país. É uma terra que nos agarra todos os sentidos de uma só vez, que nos faz admirar a simplicidade e alegria da vida quotidiana e onde vais querer voltar vezes sem conta!

Destaques

  • Observa leões-marinhos, pinguins-imperador e outras espécies nas Ilhas Ballestas;
  • Voa sobre as enigmáticas linhas de Nazca;
  • Explora todos os recantos e história da cidade de Cusco;
  • Descobre a mágica cidade perdida dos Incas de Machu Picchu;
  • Navega e pernoita com uma família indígena numa ilha no Lago Titicaca.

Itinerário

Dia 1 - Chegada a Limaver

Bienvenidos al Peru! A tua aventura começa no aeroporto de Lima, onde encontrarás a Patrícia à tua espera.

A capital e maior cidade do Peru, com cerca de 8.5 milhões de habitantes, é a 5ª maior da América do Sul. Aqui se cruzam as tradições ancestrais de diversos povos e tribos com as influências hispânicas dos conquistadores e a modernidade do centro económico, financeiro e cultural do país.

Aproveitando o facto de nos alojarmos no agitado bairro de Miraflores, sugerimos um tranquilo passeio e jantar junto de uma das praças mais características da cidade e, para quem ainda tiver energia e porque é sábado à noite, uma incursão no epicentro da vida nocturna da cidade, onde não há falta de escolha de bares e clubs.

Alojamento: guesthouse

Refeições: -

Dia 2 - Limaver

De autocarro local vamos até ao centro histórico, onde se desenrola o dia-a-dia de muitos limenhos, e que é considerado Património Cultural da Humanidade desde 1988. Deambulamos pelo meio de diversos edifícios colonias com as suas magníficas varandas em torno da Plaza Mayor, o berço do nascimento da cidade de Lima e onde também se encontram o Palácio do Governo e a deslumbrante Catedral. De seguida visitamos o convento de São Francisco, a sua belíssima biblioteca e as suas impressionantes Catacumbas, onde se encontram milhares de ossadas humanas dispostas de forma tão organizada quanto perturbadora!

Depois do almoço, nas imediações da outrora aristocrática e hoje comercial avenida pedonal Jiron de la Unión, exploramos o lado mais cultural da cidade, passando pela riqueza histórica patente no Museo del Banco Central de Reserva e rumando em seguida à Plaza de San Martin e ao Paseo Colón, onde teremos a companhia de mais alguns museus, jardins e edifícios históricos e monumentais.

E se o que viste ainda não foi suficiente para te impressionar, prepara-te para o sumptuoso e belo Museu Larco. Com certeza não ficarás indiferente às impressionantes colecções de ouro inca e cerâmica erótica!

À noite, os mais atrevidos aceitarão o desafio para ir jantar e beber um copo à zona boémia de Barranco.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço

Dia 3 - Lima, Paracasver

A manhã de hoje é ainda passada em Lima e é livre. A capital peruana sempre foi conhecida como “a cidade jardim” e o bairro de Miraflores, nomeadamente El Malecón, localizado ao longo das falésias sobre o Oceano Pacífico, fazem bem jus a essa denominação, sendo um bom ponto de partida para um passeio a pé. Sugerimos um passeio pelo farol, até ao Parque del Amor, de onde se pode observar os limeños “apanhar umas ondas” na praia lá em baixo. Outra sugestão de visita, ainda perto de Miraflores, é o sítio arqueológico Huaca Pucllana, onde se encontra uma impressionante pirâmide feita de adobe, construída por uma civilização indígena pré-inca que aqui habitou entre os séculos III e VII.

Encontramo-nos para almoçar e provar um dos baluartes da gastronomia peruana, o ceviche, numa conhecida cevichería local. Depois de almoço partimos pela mítica estrada Pan-Americana em direção a Paracas, que em Quechua significa “chuva de areia”, e começamos a descobrir o Peru das províncias.

Alojamento: hostel

Refeições: pequeno-almoço e almoço

Dia 4 - Ilhas Ballestas, Huacachina, Nazcaver

Hoje o dia começa cedo, mas por um bom motivo! De Paracas, partimos num passeio de barco até às Ilhas Ballestas, nas frias águas do Pacífico. As chamadas “Galápagos dos pobres” são uma das maiores reservas marinhas do país onde, por influência da corrente de Humboldt e para além da grande diversidade de formações rochosas, é inevitável o encontro com várias espécies de aves e habitantes marinhos, como os pelicanos, lobos marinhos e até pinguins!

Ao final da manhã, seguimos para Ica e Huacachina, onde teremos oportunidade de relaxar no oásis ou partir para a aventura e descer uma das maiores dunas do mundo de buggy ou sandboard.

Ao final da tarde, seguiremos para a enigmática cidade de Nazca, onde teremos o merecido descanso, já que o dia seguinte promete!

Alojamento: hotel

Refeições: pequeno-almoço

Dia 5 - Linhas de Nazca, Arequipaver

Começamos o dia com um dos grandes mistérios da América do Sul, as linhas de Nazca!

Estas consistem em várias figuras e formas geométricas que podem atingir os 200 metros de comprimento, traçadas ao longo de cerca de 500Km2. Algumas das figuras mais conhecidas são as do colibri, macaco, cão e astronauta. A sua origem é ainda hoje debatida, mas as teorias populares apontam para raças ancestrais, calendários astronómicos ou aterragens de naves extraterrestres.

A melhor forma de as observar é do ar, por isso embarcamos num espetacular voo, para deslumbrar este enigmático sítio Património da Humanidade desde 1994. No final apanhamos um autocarro que nos levará, passando junto dos seus vulcânicos guardiões, até à cidade de Arequipa, a 2ª mais importante do país e uma das mais bonitas, graças à sua arquitectura colonial, que lhe valem a alcunha de ciudad blanca.

Alojamento: hostel

Refeições: pequeno-almoço

Dia 6 - Arequipaver

Aproveitamos a manhã passeando pelo centro da cidade de Arequipa, visitando a sua majestosa catedral, a impressionante igreja da companhia de jesus (que contém no seu interior coloridos e belíssimos frescos) e ainda uma das mais famosas habitantes desta cidade: a múmia Juanita, com mais de 500 anos de idade, que vamos encontrar no Museu dos Santuários Andinos.

Durante a tarde fazemos um passeio mais extenso pelos arredores da cidade, mas desta vez num cómodo autocarro turístico. Daí poderemos visitar alguns dos seus bairros típicos e conhecer o seu lado mais rural, admirando os vulcões Misti, Pikchu Pikchu e Chachani.

Ao final do dia sobra-nos tempo livre para sentir a efervescência da vida boémia e dos restaurantes da cidade.

Alojamento: hostel

Refeições: pequeno-almoço e almoço

Dia 7 - Arequipa, Punover

Pela manhã há ainda tempo para aproveitar o pouco tempo que nos resta em Arequipa, que poderás utilizar da forma que melhor entendas. Depois de almoço continuamos a nossa jornada de autocarro entre Arequipa e Puno. Ao longo desta viagem, que durará cerca de 6 horas, e com paisagens do planalto andino simplesmente deslumbrantes, passaremos por algumas pequenas povoações locais. Ao final da tarde, chegamos à amigável cidade de Puno, nas margens do lago Titicaca.

Alojamento: hostel

Refeições: pequeno-almoço

Dia 8 - Lago Titicaca, Uros e Ilha Taquilever

Bem cedo partimos do porto de Puno, situado no maior corpo de água a grande altitude do mundo: o lago Titicaca, com uma área de mais de 8.300 metros quadrados e a 3.800 metros de altitude. Desta forma vamos embarcar numa experiência de 2 dias pelas tradicionais comunidades que vivem nas ilhas deste quase-mar no cimo do mundo.

Neste primeiro dia visitamos as incomuns ilhas flutuantes dos Uros, construídas a partir de juncos por este povo milenar, que ainda hoje mantem muitos dos seus ritos e costumes característicos. Seguimos depois para a Ilha de Taquile, onde seremos envolvidos no estilo de vida tradicional desta poderosa comunidade. Aqui iremos jantar e pernoitar em ambiente familiar, com os habitantes locais.

Alojamento: casa familiar

Refeições: pequeno-almoço, almoço e jantar

Dia 9 - Lago Titicaca, Ilha Taquile, Cuscover

Segundo dia de navegação pelo Lago Titicaca. Depois do pequeno-almoço em casa da nossa família local, a parte da manhã será para explorar tranquilamente a Ilha Taquile, apreciando as suas paisagens singulares, convivendo com o seu povo e seguindo o código moral Inca Ama sua, ama llulla, ama qhilla, que em Quechua significa “não roubes, não mintas e não sejas preguiçoso”!

Durante a tarde voltamos para Puno, e ao final do dia apanhamos o autocarro nocturno que nos levará até à fascinante cidade de Cusco. Chegaremos bastante cedo e vamos directos para a nossa hospedagem, onde podemos descansar um pouco mais durante a manhã.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço

Dia 10 - Cuscover

Antiga capital do império Inca e conhecida por estes como o “umbigo do mundo”, a cidade de Cusco possui uma cultura andina próspera, arquitectura Inca e tesouros coloniais em abundância! Esta é uma cidade magnífica que merece ser visitada vagarosamente e ao ritmo de cada um.

Neste primeiro dia, vamos andar tranquilamente pelo centro da cidade e conhecer a igreja de Santo Domingo, construída por cima das ruínas de um antigo lugar sagrado para os Incas e visitar o respectivo museu para termos uma apropriada introdução a esta fascinante civilização. Vamos ainda passar pelo Centro de Têxteis Tradicionais de Cusco, onde várias artesãs trabalham e expõem as suas criações, seguindo os mesmo métodos tradicionais que foram passando ao longo das várias gerações de avós, mães e filhas. Ao final da tarde assistimos a um colorido espectáculo de danças e música tradicionais e terminamos o nosso dia por alguma taberna típica da cidade, provavelmente bebendo pisco!

Alojamento: guesthouse

Refeições: -

Dia 11 - Vale Sagrado dos Incas, parte Iver

Hoje o nosso dia será dedicado ao Vale Sagrados dos Incas! Foi aqui, nestas terras e solos, que os Incas desenvolveram a sua grande mestria em técnicas de cultivo, orientação e engenharia.

Ao longo do nosso incrível passeio, visitamos, entre outros, diferentes espaços arqueológicos e construções centenárias passando por Pisac, uma pequena e pitoresca cidade com um dos melhores mercados de artesanato da região e o rio Urubamba, com a sua poderosa e magnífica corrente, que flui para a selva na procura incessante de outras nascentes do Amazonas.

Terminamos o dia na antiga cidade-fortaleza de Ollantaytambo, o sítio ideal para passar o final da tarde e pernoitar antes de rumar ao empolgante Machu Picchu.

Alojamento: bed & breakfast

Refeições: pequeno-almoço

Dia 12 - Machu Picchuver

Hoje é, seguramente, um dos pontos altos da viagem! Despertamos ainda de madrugada e apanhamos o comboio que nos levará desde o Vale de Ollanta até Aguas Calientes. A partir daqui, subimos ansiosamente até Machu Picchu, a ruína mais famosa da América do Sul! Uma vez chegados, o momento é de contemplação, com tempo para absorver a sua mística atmosfera, ao nosso próprio ritmo.

Esta impressionante cidadela, conhecida como a “cidade perdida dos Incas” é uma das lembranças mais bem conservadas desta cultura, uma vez que os conquistadores espanhóis nunca a chegaram a descobrir, muito por causa da sua localização: a 2400 metros de altitude, observando desde cima o vale do rio Urubamba. Apenas em 1911 o arqueólogo Hiram Bingham a re-apresentou ao mundo, sendo património da Humanidade desde 1983 e uma das novas 7 maravilhas do mundo desde 2007.

De tarde haverá tempo, para quem assim o entender, de relaxar nos banhos termais que dão nome à vila de Aguas Calientes, para depois apanhar o comboio de regresso a Ollantaytambo, sonhando ao longo de todo o caminho com a magia que acabámos de presenciar.

Alojamento: bed & breakfast

Refeições: pequeno-almoço

Dia 13 - Vale Sagrado dos Incas, parte IIver

Nesta segunda parte para explorar o Vale Sagrado dos Incas sairemos de manhã para conhecer as enigmáticas e incomuns ruínas Incas de Moray, de forma concêntrica. Depois faremos uma agradável caminhada, passando pelas improváveis salinas de Maras, e de volta a Urubamba partimos em direcção a Cusco, passando por importantes ruínas Incas, nomeadamente as de Saqsaywaman, onde todos os anos a 24 de Junho se realiza o maior festival de adoração ao deus Inca do Sol: o Inti Raymi. Teremos tempo para explorar estas ruínas e apreciar a impressionante vista que daqui se obtém de toda a cidade de Cusco.

Para quem ainda estiver motivado, a cidade de Cusco tem sempre algo para oferecer à noite, quanto mais não seja pelo incessante movimento de turistas que chegam e partem da cidade a toda a hora.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço

Dia 14 - Cuscover

O dia de hoje será dedicado a conhecer um pouco mais da cidade, o seu lado mais tradicional. Começamos, como sempre, pela praça principal, sempre vigiada pelo Inca Pachacuti, e junto da qual visitaremos a magnífica catedral e a interessante igreja da companhia de Jesus. Seguimos depois pelas praças Regocijo e de São Francisco até chegarmos ao mercado de San Pedro. Este é um dos mercados mais tradicionais da cidade (e há vários!), onde se pode encontrar um pouco de tudo, basta procurar!

Continuamos às voltas pela cidade, por ruas e ruelas até nos perdermos e voltarmos a encontrar! O jantar de despedida servirá de mote para comemorar a vida e o companheirismo, com a certeza de que esta viagem nos irá ficar na memória emocional e gustativa.

Alojamento: guesthouse

Refeições: pequeno-almoço

Dia 15 - Regresso a partir de Cuscover

Conforme os horários dos voos, a Patrícia irá acompanhar-te ao aeroporto de Cusco.

Seguirás viagem até ao teu local de origem, cheio de boas histórias para contar e o cartão de memória da máquina fotográfica a abarrotar de recordações!

Alojamento: -

Refeições: pequeno-almoço

O que está incluído?

  • Dias: 15
  • Alojamento: 6 noites em guesthouse (1 noite em casa familiar), 3 noites em hostel, 2 noites em hotel, 2 noites em bed & breakfast, 1 noite em autocarro noturno (sleeper bus)
  • Transportes: 6 viagens de autocarro, 2 viagens de comboio, 2 viagens de barco, todos os transferes dentro das datas do programa
  • 16 Refeições: 13 pequenos-almoços, 2 almoços e 1 jantar
  • Atividades: Todas as atividades mencionadas no programa
  • Seguro de viagem nas datas do programa
  • Acompanhamento e orientação durante toda a viagem pela Patrícia Campos
  • Grupos: 5 (no mínimo), 11 (no máximo)

Wanderluster

O que não está incluído?

  • Passagem aérea internacional
  • Visto: não aplicável
  • Suplemento single: 120€
  • Alimentação não especificada
  • Atividades extra
  • Visitas não especificadas
  • Despesas de caráter pessoal
  • Gorjetas

Próximas Datas

4 a 18 Novembro 2017 1350€ Últimos lugares

Testemunhos